Nelson Ibañes

Foto: Araquém Alcântara

Para colocar o paciente como sujeito é preciso criar mecanismos de acolhimento, regulação da demanda em vez da oferta, e melhorar a suficiência do sistema, explica Nelson Ibañes, professor da Faculdade de Ciência Médicas da Santa Casa de São Paulo, nessa entrevista exclusiva ao projeto Região e Redes.

Back