CARLOS GADELHA

Foto: Radilson Carlos Gomes

O economista e pesquisador da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Carlos Grabois Gadelha, afirma nesta entrevista que o peso da saúde no PIB brasileiro é maior que o da indústria manufatureira. Cerca de 35% das atividades produtivas, tecnológicas, de pesquisa e de inovação provêm do campo da saúde ou de áreas muito próximas e mobilizam 12 milhões de trabalhadores qualificados.

Back